terça-feira, 20 de novembro de 2012

A pilhagem da riqueza dos países pelos grandes bancos e corporações internacionais, o Banco Mundial, o FMI e o BCE - O caso português

.
 
 
 
 
 
 
 
1ª parte - Dívidas soberanas e programas de "resgate" (II)


Por Vasco Moura Esteves




As "ajudas" do FMI/Troika (os chamados resgates) para que os países possam honrar o pagamento das suas dívidas são, na prática, uma forma de endividar ainda mais os países, que se encontram já muito endividados, pelas seguintes razões:


  a) As "ajudas" são, nada mais nada menos, que novos empréstimos com juros, que serão utilizados para pagar apenas os compromissos a curto/médio prazo dos empréstimos já existentes. Ou seja, os países endividados, além de manterem as dívidas anteriores impagáveis, acumulam, com estas "ajudas" mais dívidas!

  b) Os juros devidos pelos empréstimos do FMI/Troika são usurários (o FMI/Troika financiam-se a <= 1% e cobram cerca de 5%). Esta situação serve para extorquir aos países "ajudados" muita da riqueza gerada!

  b) As exigências do FMI/Troika de privatização da maior parte da riqueza pública, que em termos práticos passa para a posse do capital estrangeiro (grandes bancos e corporações internacionais) tornam os países endividados em países mais pobres!

  c) As medidas impostas de austeridade (aumento dos impostos, redução de benefícios, etc.) sufocam a economia dos países endividados, o que implica a redução da produção de riqueza e consequentemente tornam esses países ainda mais pobres!

  d) As exigências do FMI/Troika em reduzir os direitos dos trabalhadores, quer ao nível do código do trabalho, quer ao nível dos apoios sociais, quer na redução dos salários, mais o aumento do desemprego decorrente das medidas de austeridade, implicam o empobrecimento geral da maioria da população, o qual, por sua vez implica um menor consumo. Havendo menor consumo as empresas produzem menos por não terem compradores. Deste modo as exigências do FMI/Troika de empobrecimento da população provocam menos produção de riqueza nos países "ajudados"!


Em suma, as "ajudas" do FMI/Troika pilham as riquezas dos países, deixam-nos mais endividados, mais pobres e, portanto, sem capacidade de se livrarem das dívidas e do "protectorado" do FMI/Troika!


A pilhagem dos recursos (materiais, financeiros e laborais) dos países não é feita, desta vez, através de uma guerra militar, mas sim é feita, subtilmente, através de uma guerra financeira, com o conluio de muitos governantes e "peritos" (políticos, economistas e jornalistas) e com a colaboração inconsciente dos restantes governantes e peritos (salvo raras excepções), nos países saqueados.


Como os governantes não podem ser responsabilizados criminalmente pelos seus actos, segundo as leis que eles próprios fazem, é imposto ao povo pagar os actos danosos dos seus governantes. Há quem chame a isto democracia ("O poder é do povo").




*****


Citação 

                Há dois modos de subjugar e de escravizar uma nação:

                      Um é pela força,
                      O outro é pelas dívidas. 

 
                John Adams (1736-1826), um dos fundadores dos EUA e 2º Presidente dos EUA
  


Joseph Stiglitz e os quatro passos da maldição do FMI

Joseph Stiglitz, ex-economista principal do Banco Mundial e membro do gabinete do Presidente dos EUA Bill Clinton e chefe do conselho dos consultores económicos da Presidência dos EUA descreveu os quatro passos da maldição do FMI.

Documentários   
Confissões de um "assassino económico"

    (Há mais vídeos no YouTube sobre este tema)

Citação
        Toda verdade atravessa 3 fases:
            Na 1ª fase - É ridicularizada;
            Na 2ª fase - É violentamente contrariada;
            Na 3ª fase - É aceite como a própria prova.
        Arthur Schopenhauer (1788-1860), filósofo alemão

Informação complementar
"Portugal está a ser assassinado, como muitos países do terceiro mundo já foram"
O plano de privatizações dos sectores estratégicos da Argentina
Os banqueiros aceleram a marcha para o saqueio da Grécia e os sociais-democratas votam pelo suicídio nacional
The Essence Of Banking...
 Portugal não precisava de ajuda externa e agências de "rating" têm de ser travadas
Privatizações agravam défice externo e endividamento do país

Wikileaks: Parpública na mira do Goldman Sachs e da “CIA privada”

        http://www.esquerda.net/artigo/wikileaks-parp%C3%BAblica-na-mira-do-goldman-sachs-e-%E2%80%9Ccia-privada%E2%80%9D/24418
Água: o Banco Mundial insiste em privatizar
Água: a privatização patina, mas o direito ainda está distante
Privatização da água na América Latina
Impedir a privatização da água


Big Banks Waging Warfare Against the People of the World
Demolição controlada da economia mundial?
 
RTP: estamos entregues ao Goldman Sachs

        http://octopedia.blogspot.pt/2012/08/rtp-estamos-entregues-ao-goldman-sachs.html

The Rampant Criminality of the Corporate and Political Elite - Murdoch and the rule of the oligarchy


Informação adicional
John Perkins

Como construir um império sub-repticiamente (quase sem fazer guerras) - John Perkins on Globalization:

        http://www.youtube.com/watch?v=TFC18pFvo1g
Economic Meltdown -- A Call for Systemic Change
Vamos Lá Fazer Dinheiro / Let's Make Money

Referências

[1] - Galp e Mohave vão explorar petróleo e gás em Alcobaça


[2] - Santos Pereira: Recursos mineiros de Portugal valem mais que o PIB nacional


[3] - Telejornal de 03-04-2012


[4] - SOPA e PIPA são dois pacotes legislativos americanos para censurar/controlar a Internet:

     - Los precursores de Internet firman una Carta abierta a Washington preocupados ante las leyes SOPA y PIPA


     - Anonymous Threatens Sony Over SOPA Support

                http://thenextweb.com/insider/2011/12/30/anonymous-posts-threat-against-sony-and-justin-bieber-over-sopa-support/

     - Nintendo, Electronic Arts y Sony retiran el apoyo a SOPA

     - MIT Media Lab muestra su oposición a SOPA


     - O dia em que a Internet fecha em protesto contra o SOPA


     - Autor da lei SOPA contra a pirataria viola direito de autor


     - Congresso americano adia votação e indica fim do SOPA/PIPA

[5] - ACTA é um tratado global anti-contrafacção, que visa também censurar/controlar a Internet de forma disfarçada:

     - Say NO to ACTA
                http://www.youtube.com/watch?v=citzRjwk-sQ

     - ACTA vs. SOPA: Cinco razões pelas quais o ACTA é a ameaça mais assustadora para a liberdade na Internet (em inglês) (IB Times)


     - Se você achava que SOPA era ruim, espere até conhecer o ACTA (em inglês) (Forbes)

     - O tratado secreto: ACTA e seu impacto no acesso a medicamentos (em inglês)

     - BBC News - European Parliament rapporteur quits in Acta protest

                http://www.bbc.co.uk/news/technology-16757142

     - Alguns países da UE aderem ao ACTA para controlar a internet
                http://telesintese.com.br/index.php/indice-geral-plantao-em-destaque/18279-paises-da-ue-se-unem-aos-outros-oito-signatarios-do-acta

     - Depois do SOPA, a vez do ACTA com o acordo da Europa
     - Varios países europeos rechazan firmar el acuerdo ACTA


     - ACTA error: Democracy not found



[6] - CISPA é um projecto de lei que dará às empresas privadas e ao governo dos EUA o direito de espiar qualquer um de nós a qualquer momento por quanto tempo eles quiserem em toda a web sem mandato judicial:

     - Salvem a Internet dos EUA

                http://www.avaaz.org/po/stop_cispa/?vl

     - Even worse than SOPA: New CISPA cybersecurity bill will censor the Web

               
http://rt.com/usa/news/cispa-bill-sopa-internet-175/

     - CISPA: Mozilla se posiciona contra o projeto


[7] - TPP (Trans-Pacific Parnership) é um projecto de acordo de comércio entre países banhados pelo Oceano Pacífico que vai para além do comércio e entra na esfera do controlo/censura da Internet:

     - Estadão: "Parceria Transpacífica prevê que países signatários façam seus provedores de internet monitorar os usuários"

                http://blogs.estadao.com.br/link/tag/tpp/

     - The Guardian: "The Pacific free trade deal that's anything but free"

                http://www.guardian.co.uk/commentisfree/2012/aug/27/pacific-free-trade-deal

     - Electronic Frontier Foundation: "Contexto e análise da Parceria Transpacífica" (em inglês)

                https://www.eff.org/issues/tpp 




.

2 comentários:

  1. Bluehost is the best hosting company with plans for all of your hosting requirments.

    ResponderEliminar